Escolha uma Página

Crianças com Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) podem se beneficiar com suplementos de ácidos graxos-Omega 3, é o que sugere um novo estudo da University Medical Center Utrecht, publicado on-line na revista Neuropsychopharmacology.
O estudo envolveu 80 meninos com idade entre 8 e 14 anos dos quais tinham sido diagnosticados com TDAH. As crianças passaram a consumir uma margarina enriquecida com ácidos graxos-Omega3, ou uma margarina normal, todos os dias durante 16 semanas. A margarina enriquecida continha 650 mg de ácido docosaexaenoico ou DHA e 650mg de ácido eicosapentaenoico ou EPA.
No final do estudo, os meninos que tinham consumido o suplemento de ômega 3 viram uma grande redução em seus problemas de atenção – como avaliado por seus pais – em comparação com aqueles que não consumiram o suplemento.
Melhorias na atenção foram observadas em ambas as crianças com e sem TDAH, mas o efeito foi maior em pacientes com TDAH, de acordo com o estudo.
A maioria dos meninos no estudo com TDAH já estavam tomando medicamentos estimulantes além Ômega-3. De acordo com os pesquisadores, o estudo “oferece provas de que a inclusão de ômega-3 na dieta dos pacientes com TDAH, pode ser eficaz para o tratamento da doença”.
O estudo foi financiado pela Unilever Pesquisa e Desenvolvimento. A empresa foi envolvida na concepção e desenho do estudo, e fez a margarina utilizada no estudo.
Esse estudo, publicado da University Medical Center Utrecht confirma um outro estudo já publicado, em que foi relatado a relação de baixos níveis de Ômega-3 em crianças com TDAH.
Embora os novos resultados apoiem a hipótese de que o uso de Ômega-3 pode ser útil para crianças com TDAH, “Eu não diria que é um estudo definitivo. Certamente vale a pena tentar, porque o Ômega-3 é seguro e não prejudica em nada na alimentação, mas eu duvido que veremos uma melhoria dramática “, disse o Dr. Daniel Coury, chefe de pediatria comportamental de desenvolvimento no Hospital Nacional Infantil em Columbus, Ohio.
Dr. Anthony Rostain, psiquiatra de crianças e adolescentes do Hospital Infantil da Filadélfia, disse que o novo estudo “ajuda a confirmar o que já sabemos“.omega 3 alimento para o cerebro
Minha opinião:
Apesar de o estudo ter sido feito como crianças, muito provavelmente os efeitos do Ômega-3 no adulto seja igual. Eu mesmo faço suplementação com Ômega-3 a pouco mais de um ano e noto realmente uma melhora significativa tanto na atenção como no raciocínio. Isso por que o Ômega-3 é um alimento para o sistema límbico do cérebro, significando que além de melhorar nossa atenção pode aumentar nossa inteligência.
Claro, antes de começar sua suplementação com o Ômega-3 é recomendável você procurar um nutricionista de sua confiança para analisar a possiblidade de ter uma melhora significativa nos sintomas do TDAH.
Espero que tenha gostado desse artigo, provavelmente falaremos mais sobre esse assunto aqui no Supera TDAH.
Conta-me o que você achou dessa pesquisa.

Você já fez ou fará uso do Ômega 3 como suplemento na alimentação? Deixe aqui nos comentários sua opinião.
Abraços e, até a próxima. 😉

 

University Medical Center Utrecht, estudo publicado on-line na revista Neuropsychopharmacology. http://www.jaacap.com/article/S0890-8567(11)00484-9/abstract?cc=y=

Comments

comments